Quinta-feira, 26 de Maio de 2005

Medidas do Governo do Eng. José Socrates

FORÇA PORTUGAL! Om Mani Peme Hung Hri
O actual Governo tem o poder de fazer mais do que veio agora anunciar. Tentaremos aqui comentar um pouco e enviar sugestões. É crucial que Portugal se erga agora e de uma vez por todas, não pode haver espaço para demagogia erros de cálculo ou falta de profissionalismo. Portugal tem que se erguer, Srs Políticos!

ESSENCIAL PARA AGORA:
1º Criar riqueza.
2º Reduzir o défice público.
3º Acabar com o corrupção.

MEDIDAS AGORA APRESENTADAS PELO GOVERNO:
aumento do IVA de 19 para 21%
Medida ABSOLUTAMENTE ilógica! COmo é que se quer criar riqueza dificultando a criação de riqueza por parte de quem é cumpridor e paga os seus impostos?

Impostos sobre o tabaco e produtos petrolíferos
O Tabaco, muito bem! Que subam até mais não poder!
Petróleo... Isso é o mesmo que dizer que TUDO vai subir de preço! É um acto horrível! Mas que pensa o Governo? Que gestores são esses que estão por detrás desse Governo que não pensam que mexer nos preços dos combustíveis é aumentar o custo de vida dos portugueses? Qualquer pessoa vê isso, mas esses Srs não veem?
Salvem Portugal! Não cometam mais erros por favor!!! Melhorem o nível de vida do povo português não lhes ponham mais peso sob a carteira!

novo escalão de IRS de 42 por cento para contribuintes com rendimentos anuais superiores a 60 mil euros.
Quem ganha mais, deve pagar mais. Mas que isso seja realmente feito! Não amanhã, não daqui a uns meses, mas hoje, já!

O primeiro-ministro anunciou também a intenção do Governo de legislar no sentido de tornar públicas as declarações de rendimentos dos contribuintes.
O que é preciso é tornar públicas as declarações dos políticos e dos ricos.
O que é preciso é que o Estado deixe de ser o maior devedor nacional!
Essas sim são medidas urgentes!!!

A apresentação no final do ano de uma proposta para eliminação de um "conjunto vasto" de benefícios fiscais e a eliminação da possibilidade de as empresas que exercem actividade no "off-shore" da Madeira "reduzirem a percentagem do lucro tributável"
Não se alonguem, façam tudo para hoje! Há gente no desemprego, existem empresas a fechar, famílias com problemas, não se ponham com demoras, TRABALHEM, trabalhem para AMANHÃ!
Apresentem e façam hoje!

medidas para reestruturar a Administração Pública, entre as quais a "revisão do sistema de carreiras e remunerações" e o levantamento, de três em três meses, das necessidades de reestruturação de cada ministério.
Muito bem e mais se pede.

decisão de "decretar excepcionalmente as progressões automáticas" na função pública e a limitação das "regalias dos administradores de empresas de capitais públicos" (será limitada, por exemplo, a "faculdade de acumulação de vencimentos").
Não pode ser ""excepcionalmente" tem que ser agora e sempre! Só sobe quem mostra trabalho e merece! É assim em todo o lado porque não há-de ser assim na função pública?

"Racionalizar a administração do património do Estado" é outra das medidas avançadas pelo primeiro-ministro.
Vai depender do que isso quer dizer. Se isso significa vender à toa Património e empresas do Estado como tem sido feito até agora, então, não muito obrigado.

O primeiro-ministro anunciou também que a idade de reforma dos funcionários públicos aumentará anualmente seis meses a partir de 2006, para que no prazo de uma década passe a ser de 65 anos, tal como no sector privado.
A população está envelhecida, as pessoas aos 50 já pensam que tão mortas. É preciso que se alargue cada vez mais a idade para trabalho. Velhice não é doença! Boa medida!
No entanto devem existir medidas para que pessoas que entraram a pensar que se iam reformar aos 60 não sofram.

"em nome do princípio da igualdade" e da "moralização e justiça", o Governo apresentará uma proposta para acabar com as subvenções vitalícias para titulares dos cargos políticos.
Já devia ter sido feito à mais tempo! Chega de "mamas", o Portugal tem que seguir em frente!

"Ontem (terça-feira), o Conselho de Ministros aprovou uma proposta legislativa que acaba com os privilégios (...), que acaba com as subvenções vitalícias dos titulares dos cargos políticos", disse o Sr Primeiro Ministro.
Idem!

O primeiro-ministro anunciou que fará convergir os diferentes regimes de segurança social, salientando que "todos no sector público terão exactamente o mesmo regime dos outros trabalhadores".
Claramente!

Sócrates anunciou ainda a intenção de aproximar progressivamente o regime de cálculo da segurança social dos trabalhadores que entraram na função pública antes 1993 ao regime daqueles que entraram depois, que é menos favorável.
Desde que não haja perdas para o Estado e para a Nação como um todo.

O primeiro-ministro propôs fixar o subsídio de doença para todos os trabalhadores, da função pública e do sector privado, em 65 por cento do salário.
Muito bem, somos todos iguais.

Actualmente, uma "baixa" por doença no sector privado é paga a 55 por cento, enquanto que no sector público é paga a 100 por cento, lembrou Sócrates, defendendo que esta desigualdade é "inaceitável".
Parece bem. O ideal era que fosse a 100% para todos.

FINALMENTE UM COMENTÁRIO:
Quando o Sr Dr. Durão Barroso apresentou as medidas de aumentar os impostos, o PS atirou-se ao ar. Agora o PS vem apresentar medidas de aumento dos impostos. Isso é vergonhoso! Baixem os impostos! Aumentem na melhoria da gestão estatal, façam isso e Portugal irá melhorar. Aumentem os impostos sim mas em tabaco e alcool!

FORÇA PORTUGAL! Om Mani Peme Hung Hri
publicado por edito às 00:33
link do post | comentar | favorito
|

.Mailing list e destaque

Se deseja receber informações actualizadas no seu e-mail:

subscrever

novidades no seu e-mail!

email:
powered by
NotifyList.com

.pesquisar

 

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Retiro de Outubro de medi...

. Sua Santidade Sakya Tridz...

. Retiro de Meditação Shama...

. Global Resounding 2017 Po...

. Ensinamentos com Tulku Pe...

. Venha aprender a meditar ...

. Venerável Mahinda em Port...

. IMPERDÍVEL: Sua Santidade...

. Quando Me Tornei Vegano -...

. Hoje, prática de meditaçã...

.arquivos

. Setembro 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Fevereiro 2017

. Novembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Novembro 2015

. Setembro 2015

. Novembro 2014

. Março 2014

. Maio 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

.tags

. todas as tags

.Mailing list e destaque

Se deseja receber informações actualizadas no seu e-mail:

subscrever

novidades no seu e-mail!

email:
powered by
NotifyList.com
blogs SAPO

.subscrever feeds